518 SALVA VIDAS

 



Por seus pecados, ‘stá o pecador
Qual pobre náufrago sem Salvador;
Que triste sorte, perece no mar,
Nada, se cansa, e vai afundar.

Orando, joga ao que se afoga,
O salva-vidas sem demorar;
Antes que desça – Desapareça
Nas profundezas do mar.

O salva-vidas não queres lançar
Ao que s’afoga nas ondas do mar?
Que morte horrível tem o pecador,
Que não aceita o bom Salvador!

É Jesus Cristo, o Filho de Deus;
O salva-vidas lançado dos céus;
Cristo te pode salvar hoje até,
O salva-vidas segura com fé.

Autor: P.L.M Paulo Leivas Macalão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima