lição Jovens e Adultos 2º Trimestre 2014

TEMA
 Dons Espirituais e Ministeriais

SUBTÍTULO:
 Servindo a Deus e aos homens com poder extraordinário

AUTOR:
 Elinaldo Renovato de Lima

Introdução

A sabedoria e o poder divinos são elementos intrínsecos da fé cristã. Ao longo das escrituras, vemos que Deus, em sua generosidade, concedeu dons aos homens para edificar a igreja e alcançar o mundo com a mensagem do evangelho. Esses dons espirituais desempenham papéis essenciais no crescimento e no fortalecimento da comunidade de fé. Neste artigo, exploraremos os dons espirituais, suas categorias e os diversos ministérios que Deus estabeleceu para a edificação do corpo de Cristo.

1: E deu dons aos homens

O apóstolo Paulo, em sua carta aos Efésios, menciona a concessão de dons por parte de Deus à igreja: “E ele mesmo concedeu uns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e outros para pastores e mestres” (Efésios 4:11). Esses dons não são meramente talentos naturais, mas habilidades e capacitações espirituais concedidas pelo Espírito Santo para o serviço e o avanço do Reino de Deus.

2: O propósito dos Dons Espirituais

Os dons espirituais foram dados à igreja com um propósito específico: o aperfeiçoamento dos santos e a obra do ministério (Efésios 4:12). Eles capacitam os crentes a cumprirem suas responsabilidades no corpo de Cristo, resultando no crescimento espiritual tanto individual quanto coletivo. Além disso, esses dons possibilitam o testemunho efetivo do evangelho e a manifestação do poder divino na vida das pessoas.

3: Dons de Revelação

Os dons de revelação são aqueles que permitem que os crentes recebam e transmitam conhecimento divino de maneira sobrenatural. Eles incluem a palavra da sabedoria, a palavra do conhecimento e o discernimento de espíritos (1 Coríntios 12:8-10). Esses dons ajudam a igreja a entender a vontade de Deus, discernir entre o certo e o errado e ser guiada pelo Espírito Santo.

4: Dons de Poder

Os dons de poder são caracterizados por ações miraculosas que demonstram o poder de Deus em ação. Eles incluem a fé, cura, e operação de milagres (1 Coríntios 12:9-10). Esses dons são instrumentos poderosos para confrontar e superar situações impossíveis e trazer transformação e libertação para a vida das pessoas.

5: Dons de Elocução

Os dons de elocução ou fala são aqueles que capacitam os crentes a comunicarem mensagens divinas de forma inspirada. Eles incluem profecia, variedade de línguas e interpretação de línguas (1 Coríntios 12:10). Esses dons são cruciais para edificar, encorajar e consolar a igreja, além de promover o entendimento entre povos e culturas distintas.

6: O Ministério de Apóstolo

O ministério apostólico é caracterizado pelo chamado e envio direto de Deus para estabelecer novas igrejas, transmitir ensinamentos fundamentais e exercer autoridade espiritual (Efésios 4:11). Os apóstolos são pioneiros na propagação do evangelho em territórios não alcançados e estabelecem o fundamento doutrinário para a igreja.

7: O Ministério de Profeta

Os profetas são porta-vozes de Deus que recebem revelação divina e comunicam a vontade de Deus para a igreja e para o mundo (Efésios 4:11). Seu ministério envolve encorajar, exortar e edificar a comunidade de fé, bem como trazer correção e direção sobrenatural.

8: O Ministério de Evangelista

O ministério do evangelista é focado na proclamação do evangelho e na conversão de almas para Cristo (Efésios 4:11). Eles possuem uma habilidade singular de compartilhar a mensagem do evangelho de forma persuasiva e eficaz, levando as pessoas ao arrependimento e à fé em Jesus Cristo.

9: O Ministério de Pastor

Os pastores têm o papel vital de cuidar do rebanho de Deus, oferecendo orientação, ensino, cuidado e proteção espiritual (Efésios 4:11). Eles têm um coração compassivo e um compromisso de zelar pelo bem-estar espiritual das pessoas, ajudando-as a crescer em sua fé e relacionamento com Deus.

10: O Ministério de Mestre ou Doutor

O ministério de mestre ou doutor envolve o ensino sistemático da Palavra de Deus, aprofundando o entendimento das Escrituras e doutrinas fundamentais (Efésios 4:11). Esses ministros têm a habilidade de explicar conceitos complexos de maneira clara e acessível, capacitando os crentes a amadurecerem em sua fé.

11: O Presbítero, Bispo ou Ancião

Esses termos são frequentemente usados de forma intercambiável na Bíblia e referem-se a líderes espirituais responsáveis por pastorear e governar a igreja local (1 Pedro 5:1-2, 1 Timóteo 3:1-7). Sua função é a de oferecer supervisão espiritual, proteção e direção à comunidade de fé.

12: O Diaconato

Os diáconos são servos designados para auxiliar em várias necessidades práticas e administrativas da igreja (Atos 6:1-7, 1 Timóteo 3:8-13). Seu serviço inclui cuidar dos pobres, distribuir recursos, prestar assistência e garantir que a igreja funcione de maneira organizada e eficaz.

13: A Multiforme Sabedoria de Deus

A multiforme sabedoria de Deus se manifesta através dos dons espirituais e dos diversos ministérios estabelecidos na igreja. Essa sabedoria transcende a compreensão humana e revela a grandeza e a diversidade do plano divino para a humanidade. Através desses dons e ministérios, a igreja é capacitada a cumprir sua missão de ser luz e sal no mundo, propagando o amor, a verdade e a esperança encontrados em Jesus Cristo.

Conclusão

Os dons espirituais e os ministérios estabelecidos por Deus desempenham papéis fundamentais na edificação e crescimento da igreja. Cada crente é chamado a usar seus dons para o avanço do Reino de Deus, cumprindo assim o propósito divino para suas vidas. À medida que a igreja opera em unidade, com cada membro desempenhando sua função, a multiforme sabedoria de Deus é revelada ao mundo, atraindo as pessoas a um relacionamento pessoal com Jesus Cristo e transformando vidas através do poder do Espírito Santo.


obs: neste poste

so os tiulos que é de Elinaldo Renovato de Lima
os comentários são de PB Ivaldo Fernandes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *