COMO FAZER CUSCUS

 

Fazer cuscuz é um processo relativamente simples, mas pode variar de acordo com a região e a receita específica que você deseja seguir. Aqui está uma receita básica de cuscuz marroquino (também conhecido como cuscuz de sêmola) que é uma das versões mais populares:

Ingredientes:

1 xícara de sêmola de trigo (cuscuz marroquino)
1 xícara de água ou caldo de legumes ou frango (quente)
1 colher de sopa de azeite de oliva
sal a gosto
Ingredientes adicionais (opcional): cozidos de leguminosas (cenoura, abobrinha, pimentão), passas, amêndoas torradas, ervas frescas, etc.
Instruções:

1. Prepare os ingredientes adicionais, se desejar: corte os legumes em pedaços pequenos e cozinhe-os até processar macios. Se estiver usando passas ou amêndoas, você pode torrá-las levemente em uma frigideira, o que realça o sabor.

2. Numa tigela grande, coloque uma sêmola de trigo e acrescente o azeite de oliva e uma pitada de sal. Misture bem para que a sêmola fique revestida com o azeite.

3. Aqueça a água ou o caldo até ferver. Despeje a água quente sobre a sêmola de trigo na tigela, cobrindo-a completamente. Use uma quantidade de líquido suficiente para cobrir a símola por cerca de 1 cm.

4. Cubra uma tigela com um pano limpo ou papel alumínio e deixe-a descansar por cerca de 5 a 10 minutos. Durante esse tempo, a sêmola irá absorver o líquido e não cozinhar vapor.

5. Após o tempo de repouso, use um garfo para soltar a sêmola, desfazendo as barreiras grumos que podem ter se formado.

6. Se desejar, adicione os ingredientes adicionais preparados anteriormente, como legumes cozidos, passas ou amêndoas torradas. Você também pode acrescentar ervas frescas picadas, como coentro ou salsa, para dar mais sabor.

7. O cuscuz está pronto para ser servido! Você pode usá-lo como acompanhamento para carnes, aves ou peixes, ou até mesmo como prato principal, adicionando proteína como grão-de-bico ou frango desfiado.

Lembre-se de que esta é apenas uma receita básica de cuscuz marroquino e que existem muitas outras variações e receitas em diferentes culturas e regiões. Sinta-se à vontade para personalizar o cuscuz de acordo com o seu gosto e receitas culinárias. Bom apetite!
por: Ivaldo F de Sousa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *